O País – A verdade como notícia

Vinte terroristas mortos durante confrontos em Cabo Delgado

Os terroristas foram mortos durante confrontos militares que duraram cerca de três dias, na província de Cabo Delgado, segundo informações partilhadas pelas Forças de Defesa e Segurança (FDS).

Os confrontos entre as forças governamentais e os terroristas tiveram lugar na Ilha Matemo, distrito de Ibo, na região Norte do país. No local, não só morreram 20 terroristas, como também houve quatro baixas nas Forças de Defesa e Segurança.

“As baixas que o inimigo teve aqui são significativas, mas nós não vamos perder o nosso foco, que é criar segurança no nosso país, respeitando os direitos humanos”, referiu Joaquim Mangrasse, comandante do Estado-Maior-General das Forças Armadas de Defesa de Moçambique.

Segundo as FDS, os confrontos violentos culminaram, também, com a destruição de pelo menos seis embarcações que transportavam mantimentos para os terroristas.

Para controlar a situação, as Forças de Defesa e Segurança moçambicanas tiveram apoio das forças em Estado de Alerta da SADC (SAMIM), que se encontram no Teatro Operacional Norte a combater o terrorismo.

A tropa nacional diz contar, ainda, com o apoio da população local no processo de identificação e neutralização dos terroristas que, desde Outubro de 2016, matam pessoas no Norte do país.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos