O País – A verdade como notícia

Venezuelanos têm de mostrar cartão de vacinação para apanhar autocarros

Foto: O país

Os terminais de transporte rodoviário de pelo menos cinco estados da Venezuela começaram a exigir, na segunda-feira, a apresentação do cartão de vacinação contra a COVID-19 a quem pretenda usar autocarros.

A imprensa local noticiou que a medida passou a ser aplicada nos terminais dos estados de Anzoátegui, Miranda (Valles del Tuy), Apure, Barinas e Sucre, apesar de não estar prevista na legislação venezuelana.

O director de Transportes do município Cristóbal Rojas (estado de Miranda), Jesus Guerrero, citado pelo Notícias ao Minuto, explicou aos jornalistas que fiscais do transporte público, com o apoio de oficiais da Polícia Nacional Bolivariana (PNB) e do Instituto de Trânsito Terrestre venezuelano vão supervisionar e verificar se os passageiros dos autocarros têm pelo menos duas doses de vacina contra a COVID-19.

“Tanto nas bilheteiras como antes de entrada nos autocarros vai ser pedido aos utilizadores que apresentem o documento de vacinação. A ideia é evitar a propagação do novo Coronavírus e romper as cadeias de contágio das distintas variantes da pandemia”, disse.

De acordo com dados divulgados pelas autoridades venezuelanas, o país contava, no domingo, 496.283 casos de COVID-19 e 5.487 mortes associadas ao novo Coronavírus, desde o início da pandemia.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos