O País – A verdade como notícia

Várias igrejas juntaram-se para celebrar Dia Mundial da Religião

Várias igrejas juntaram-se, hoje, em Maputo para celebrar o Dia Mundial da Religião. Um momento que serviu para endossar os apelos pela paz. O ministro da Justiça, que participou das celebrações, diz que as igrejas devem respeitar a constituição e demais leis moçambicanas.

Cânticos e orações dominaram o encontro de várias igrejas, hoje, que se juntaram para assinalar o Dia Mundial da Religião.

Os religiosos dizem que nenhuma fé deve justificar guerras e afirmam que não basta haver consensos entre o Governo e a Renamo, havendo outras forças que abalam o país, como é o caso dos ataques em Cabo Delgado.

Isac Chande, ministro da Justiça, Assuntos Constitucionais e Religiosas, apela à tolerância religiosa. Diz, por outro lado, que as confissões religiosas devem se conformar com a Constituição da República e com as demais leis moçambicanas.

O Dia Mundial da Religião foi instituído pelas Nações Unidas com o objectivo de promover o respeito, a tolerância e o diálogo entre as diversas religiões. A data celebra-se desde 1949 e este ano, no país, assinala-se sob o lema: “Por uma paz real e efectiva em Moçambique”.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos