O País – A verdade como notícia

Vale Moçambique defende que o MYL pode inspirar jovens a tornarem-se líderes

É o entendimento de uma das maiores mineradoras do mundo e parceira do projecto Mozefo Young Leaders. Para a Vale esta plataforma é, por excelência, um centro de exposição de referências que podem guiar os jovens moçambicanos a assumirem a liderança e os destinos do país.

 

Em Moçambique há cerca de 15 anos e virada para a exploração de carvão mineral na província de Tete, a empresa Vale Moçambique é parceira do Mozefo Young Leaders. Esta multinacional entende que a plataforma poderá ajudar os jovens a ter referências. “Quando olhamos para uma plataforma desta natureza, entendemos que é um grande centro de criação de referências para que os jovens se inspiram e possam atender aos desafios do futuro”, defendeu Leonardo Xerinda, representante da empresa.

A empresa explicou ainda que que os objectivos defendidos pelo projecto Mozefo Young Leaders alinham-se à filosofia da empresa que tem na juventude a sua força motriz. “Desde o início das nossas operações, temos apostado na juventude. A título de exemplo, anualmente temos um programa extenso de estágios de oportunidade a jovens recém-formados para que façam parte da empresa em diferentes áreas tais como: engenharia de minas, engenharia mecânica, administração de empresas, entre outras. Estes jovens vêm e são expostos ao ambiente de trabalho e são assistidos por profissionais experientes”, disse o representante para depois avançar que só em 2019 mais de mil jovens participaram desse programa. “Foram por volta de 1700 jovens que participaram do programa de training internacional, e desse número, os seleccionados tiveram a oportunidade de fazer parte de programas de desenvolvimento em Moçambique e nas outras operações da nossa empresa”, detalhou Xerinda.

O representante da Vale Moçambique aproveitou a ocasião para convidar outras empresas a fazerem parte da mudança e a se juntarem à iniciativa. “Que a nossa participação sirva de exemplo para outras empresas e ou organizações para que possam se associar a esta iniciativa que contribui para o desenvolvimento económico do país”, desafiou.

Recorde-se que a Vale é uma das maiores mineradoras do mundo, sendo que em Moçambique, conta com 11 mil trabalhadores, na sua maioria jovens.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos