O País – A verdade como notícia

Tribunal Superior de Recurso mantém pena de 16 anos contra Titosse

O Tribunal Superior de Recurso manteve a decisão do Tribunal de Primeira instância que condenou Setina Titosse a uma pena de 16 anos de prisão, 24 meses de multa e suspensão de funções por seis anos.

Através de um documento enviado à nossa redacção, o organismo revela que, depois de analisar o recurso interposto pela defesa dos réus, decidiu manter as penas proferidas pelo Tribunal de Primeira Instância e avança novidades.

“Como é de vosso conhecimento, em 2018 teve lugar o Julgamento do Processo n°92/2016_7 Secção, relacionado com o desvio de aproximadamente 170 milhões de Meticais no Fundo de Desenvolvimento Agrário (FDA), onde era PCA, Setina Titosse e, com a mesma, estiveram na barra de Tribunal, entre outros, os réus: Mishel Maamah Laryea; Neide Fernando Xirinda; Celso Almeida; Samissone Emílio Lui; Lazão Domingos Mondlana, Adriano Justino Mavie e Julieta Almina Titosse”, introduz o documento.

No comunicado, o tribunal revela, ainda, que Milda Cossa, também implicada no esquema, deverá cumprir 12 anos de prisão e 24 meses de multa.

Os restantes réus foram condenados a penas de até seis anos substituídos por multa.

O Tribunal Superior de Recurso detalha, ainda, que, além das medidas penais, “foram condenados a penas acessórias de suspensão do exercício de funções por um período de 4 a 6 anos para os seguintes réus: Neide Xerinda, Joaquim Mazive, Celeste Ismael e Adriano Mavie.”

A instituição prossegue, detalhando que “em sede de recurso, o réu Mishel Laryea foi absolvido por insuficiência de provas” e acrescenta que “dando provimento ao recurso do Ministério Público, Natália Matuca, que foi absolvida pelo Tribunal de Primeira instância, foi condenada a 6 anos de prisão substituída por multa”.

Outrossim, o tribunal avança que os bens, recompensas, objectos, valores, direitos ou vantagens foram convertidos a favor do Estado.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos