O País – A verdade como notícia

Travessia Maputo-Catembe é este sábado

As comemorações do dia da Cidade de Maputo, que esta quarta-feira celebrou os 134 anos de elevação à categoria de cidade, continuam este sábado, com a realização da tradicional prova da travessia Maputo-Catembe.

A prova, organizada pela Associação de Natação da Cidade de Maputo, terá o seu ponto de partida a ponte cais de Maputo, pelas 10h00, e o seu término do outro lado da baía, no Restaurante Diogo.

A prova, que também enquadra-se na Disciplina de Águas Abertas, vai contar com a participação de nadadores federados, filiados na Associação de Natação da Cidade de Maputo e noutras associações, entre moçambicanos e estrangeiros, desde que sejam maiores de 14 anos de idade, e populares, antigos praticantes e todo aquele que saiba nadar, desde que esteja acima dos 25 anos.

De acordo com a organização, no dia da prova, este sábado, serão aceites um máximo de 20 inscrições, devendo os mesmos serem portadores de termo de responsabilidade das exigências contidas no regulamento da prova. As inscrições poderão ser feitas de forma individual ou mesmo por cada clube.

Para a prova deste ano, cujas inscrições terminaram na passada quarta-feira, dia da cidade de Maputo, serão premiados os melhores, sendo que os primeiros classificados, de cada categoria e em ambos os sexos, vão receber um valor monetário de 20 mil meticais. Os segundos classificados vão ser premiados com valores monetários de 10 mil meticais, cabendo aos terceiros classificados o valor de cinco mil meticais.

Com uma milha de náutica, a travessia Maputo-Catembe é uma prova tradicional na capital do país, tendo já sido conquistado por nadadores nacionais e estrangeiros.

Em termos de segurança, para esta prova a organização, Associação de Natação da Cidade de Maputo, e parceria com o Conselho Municipal de Maputo, disponibilizam barcos de apoio, assistência antes, durante e depois da prova, bem como uma ambulância para situações mais graves.

Os nadadores Ricardo Costa, dos Tubarões, e Jéssica Cossa, dos Golfinhos, são os actuais campeões da prova tradicional, que decorreu em 2019, uma vez que ano passado, devido a restrições impostas pela COVID-19, não houve competição.

Os irmãos Bique, Allan e Janeth, conquistaram a competição em 2018.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos