O País – A verdade como notícia

Tragédia de Hulene: município assume a responsabilidade

O Município de Maputo assumiu, nesta quarta-feira, a responsabilidade pela tragédia na lixeira de Hulene que tirou a vida a 16 pessoas na última segunda-feira. David Simango avança que caberá às autoridades legais definir que tipo de responsabilização recairá sobre a instituição que dirige.

“Nós, como município, assumimos toda responsabilidade pela tragédia, mas até então não sabemos que responsabilidade será imputada a nossa instituição”, revelou Simango.

Simango garantiu que, neste momento, o município tem estado a prestar o seu apoio através de busca e socorro das vítimas, enterro condigno aos mortos, alimentação às famílias e dar assistência médica aos feridos até o restabelecimento da normalidade.

Questionado sobre o possível abandono do cargo que ocupa, David Simango distanciou-se do assunto referindo que neste momento a maior preocupação é garantir o apoio as famílias afectadas pela tragédia de 19 de Fevereiro.

 

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos