O País – A verdade como notícia

Total apoia comunidades afectadas pelo conflito em Cabo Delgado

Foto: TotalEnergies

A TotalEnergies entregou duas clínicas móveis para prestação de serviços de saúde aos residentes de Cabo Delgado afectados pelo conflito.

As clínicas prestarão inicialmente cuidados de saúde à população deslocada de Cabo Delgado, bem como às comunidades anfitriãs nesses distritos. As clínicas estão concebidas para prestar assistência de saúde primária bem como a educação sobre o saneamento, as boas práticas de saúde e a prevenção de doenças transmissíveis (incluindo a COVID-19).

O director-geral da TotalEnergies em Moçambique, Maxime Rabilloud, entregou formalmente as clínicas móveis de saúde à Sua Excelência o Ministro da Saúde, Armindo Tiago, numa cerimónia, na manhã desta quarta-feira, em Maputo.

Rabilloud afirmou que apoiar as comunidades afectadas pelo conflito é uma prioridade para o Projecto.

Por sua vez, o ministro da Saúde, Armindo Tiago, apreciou o gesto da TotalEnergies.

“É sem dúvidas um grande ganho para o país, para o sector da saúde, para a província e para as populações que destas clínicas móveis vão beneficiar-se. Com estas clínicas móveis vamos minimizar o decréscimo dos indicadores de saúde que vinham se agravando, muito em particular, na província de Cabo Delgado, como resultado da instabilidade causada pelos ataques terroristas,” acrescentou Armindo Tiago.

A TotalEnergies e seus parceiros no Projecto Mozambique LNG, desde os ataques no distrito de Palma no final de Março, forneceram 200 toneladas de ajuda alimentar à Palma, bem como para os deslocados internos nos distritos do sul de Cabo Delgado.

A equipa médica do projecto baseada em Afungi prestou, logo após os ataques, a assistência de emergência a mais de 300 membros da comunidade e militares.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos