O País – A verdade como notícia

Termina hoje missão do FMI em Maputo

Terminam esta tarde os trabalhos da missão do Fundo Monetário Internacional (FMI) que está em Moçambique para discutir, entre vários assuntos, o resultado do relatório às dívidas ocultas. Um dos objectivos da missão é discutir o conteúdo da auditoria à EMATUM, MAM e ProIndicus, tal como o FMI anunciou no dia 24 de Junho poucas horas após a Procuradoria-Geral da República (PGR) publicar o documento.

Segundo uma fonte próxima da missão, os técnicos do FMI reúnem esta tarde no Ministério da Economia e Finanças para fazer o balanço dos trabalhos realizados no país entre os dias 10 e 19 deste mês. Assegura ainda que o FMI vai publicar em breve um comunicado de imprensa acerca da missão. A equipa é chefiada pelo economista do FMI Michel Lazare.

Lembre-se logo à chegada, no dia 10 de Julho, a missão manteve um encontro de cortesia com o Ministro da Economia e Finanças, Adriano Maleiane. No mesmo dia, abordado pela nossa equipa de reportagem, o representante do Fundo Monetário Internacional em Moçambique, Airi Aisen, garantiu, em breves palavras, que qualquer pronunciamento acerca da missão será feito no fim dos trabalhos. Lembre-se que a posição do FMI é de que o relatório da Kroll contém informação útil sobre como os empréstimos foram contraídos. A organização considera, contudo, que persistem lacunas de informação, em particular no que respeita ao uso dos fundos das dívidas.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos