O País – A verdade como notícia

Tedros Ghebreyesus insta países a investirem em saúde pública

O diretor-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS), Tedros Adhanom Ghebreyesus, disse, nesta segunda-feira, que o mundo deve estar pronto para a próxima pandemia.

“A COVID-19 está a ensinar muitas lições a todos nós. Uma delas é que a saúde não é um item de luxo para que possam pagá-la. É uma necessidade e um direito humano. A saúde pública é a base da estabilidade social, económica e política. Isto significa investir em serviços de base populacional para prevenir, detectar e responder às doenças ”, disse Tedros.

O diretor-geral fez o comentário em uma conferência de imprensa na sede da Organização Mundial da Saúde, quando os números actualizados revelaram que globalmente, até segunda-feira, houve 27.032.617 casos confirmados de COVID-19, incluindo 881.464 mortes.

“Esta não será a última pandemia. A história nos ensina que surtos e pandemias são um facto da vida. Mas quando a próxima pandemia vier, o mundo deve estar pronto, mais pronto do que estava desta vez”, acrescentou.

Tedros destacou que, embora muitos países tenham feito progressos consideráveis na medicina, outros negligenciaram seus sistemas básicos de saúde pública. Neste contexto, fez um apelo aos países para que aumentem os investimentos que são a base para respostas ao surto de doenças infecciosas.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos