Tembissa

Por: Nito Ivo   Revestido de um sorriso mordaz, o Tembissa vezes sem conta fazia-se ao elevador entre pessoas mais velhas tão-somente para libertar gases intestinais horrivelmente nauseabundos criando um insuportável mal-estar nos outros e gargalhadas sardónicas nele próprio. Era um fedor tão terrivelmente mau que até mesmo os mosquitos resistentes a insecticidas caiam instantaneamente […]