mundo blue: a distração e concentração da saudade inexorável

“Do mal ficam as mágoas na lembrança, E do bem, se algum houve, as saudades”, Luís de Camões    Torna-se definitivamente inelutável aquela curiosidade, uma vez, expressa por Sebastião Alba que é “onde estava e como se sentia o autor quando escreveu isto?” em referência a alguma mensagem que a gente lê e bate-nos no […]

O mundo blue (concreto e abstracto) de Pedro Pereira Lopes

Às vezes no próprio coração da palavra se reconhece o silêncio. Clarice Lispector     A abordagem deste artigo bem poderia incluir outros três livros de Pedro Pereira Lopes: Viagem pelo mundo num grão de pólen (poesia), O mundo que iremos gaguejar de cor (contos) e mundo grave. O que estes títulos têm de comum […]