Mia Couto retido por cinco horas no Aeroporto Humberto Delgado em Portugal

O escritor moçambicano, Mia Couto, e mais três mil pessoas estiveram retidas no Aeroporto Humberto Delgado, em Lisboa, capital de Portugal, este domingo, devido ao fluxo de passageiros que o terminal registou na manhã daquele dia, com a chegada de mais de três mil passageiros. O escritor chegou a Portugal, mas a recepção não foi […]

A crónica do Prémio Craveirinha ou do escritor que pensa a humanidade

Semana passada, Mia Couto recebeu uma chamada do Secretário-Geral da AEMO. Em geral, Carlos Paradona queria obter a garantia de que o autor de Terra sonâmbula e do mais recente livro O caçador de elefantes invisíveis estaria na cerimónia do anúncio do Prémio de Literatura José Craveirinha, no Átrio do Município de Maputo, esta segunda-feira. […]

“De nada vale celebrar o centenário de Craveirinha se a obra continuar pouco conhecida”

Desde que o ano começou, em Moçambique, nota-se um movimento que pretende celebrar o centenário natalício de José Craveirinha. Nelson Saúte e Mia Couto, esta terça-feira, na Fundação Fernando Leite, em Maputo, de algum modo, também fizeram parte dessa pretensão. Partindo dessa necessidade de pensar a obra do poeta da Mafalala, os dois escritores concordaram […]

“Europa age contra humanidade”, dizem Mia e Agualusa

Mia Couto e José Eduardo Agualusa criticam duramente a Europa por suspender a entrada de voos que saem de países africanos. Os escritores entendem não se tratar apenas de falta de solidariedade, mas também de acções contra a ciência e contra a humanidade. “O continente europeu, que se proclama o berço da ciência, esqueceu-se dos […]

Mia Couto desafia instituições financeiras a contribuírem para a cultura

O escritor Moçambicano Mia Couto diz que as instituições dedicadas à área financeira têm que ter a componente social e contribuir para o impulsionamento da cultura e artes. O escritor defendeu seu posicionamento, na última sexta-feira, durante uma conversa intimista com o Nedbank Moçambique. A conversa não serviu apenas para fazer perguntas, mas também colocar […]

Os elefantes (in)visíveis de Mia Couto*

É curioso como às vezes a memória da morte vive muito mais tempo do que a memória da vida por ela roubada. in O deus das pequenas coisas, Arundathi Roy.   Há duas semanas, recebi uma chamada do meu amigo Celso Muianga. Nada alarmante. Eu e ele falamos com alguma regularidade: de literatura, de política […]

Mia Couto entende que foi dada a Mariano Nhongo toda a possibilidade de negociar

No dia do lançamento do seu mais recente livro de contos, O caçador de elefantes invisíveis, na Fundação Fernando Leite Couto, na Cidade de Maputo, Mia Couto disse aos jornalistas que aproveitaram a ocasião para perguntar ao escritor o que acha da morte de Mariano Nhongo, o líder da Junta Militar da Renamo. Durante a […]

Mia Couto dedica novo livro às pessoas que lhe alimentam a esperança

O caçador de elefantes invisíveis é o título do mais recente livro de Mia Couto. A obra literária reúne contos escritos ao longo de dois anos e foi apresentada ao público na Fundação Fernando Leite Couto, na Cidade de Maputo.   No princípio da COVID-19, Mia Couto escreveu um texto que foi publicado no The […]