“Dá licença”, Mauro Pinto, chegou a vez de Moçambique

Em 2005, Mauro Pinto expôs a individual Portos de convergência, na cidade de Maputo. Quem diria que passariam 15 anos até um dos mais consagrados fotógrafos moçambicanos voltar a expor uma individual no país? Nem o próprio fotógrafo acreditou que tivesse passado tanto tempo, afinal, regularmente, tem levado as suas obras a galerias estrangeiras. Uma […]

Blackmoney: A dignidade insubmissa

Eu sou carvão; tenho que arder na exploração arder até às cinzas da maldição arder vivo como alcatrão, meu irmão, até não ser mais a tua mina, patrão. José Craveirinha, excerto de “Grito Negro”, in “Karingana Ua Karingana Na nebulosa tarde de 19 de setembro a cidade de Lisboa testemunhou a inauguração da mais recente […]