Macron desvaloriza bofetada e diz que foi “acto isolado”

O Presidente da República francesa, Emmanuel Macron, disse, ontem, que a agressão de que foi vítima durante uma visita a uma região no sul do país “foi um acto isolado” e que é preciso relativizar o acontecido. “Está tudo bem. É preciso relativizar este incidente, que é, penso eu, um acto isolado. Não quero que […]