Um final de ano indiferente para os moradores de rua

Moradores prevêem uma transição indiferente, sem motivos para celebração. O projecto de vida é sempre o mesmo: encontrar o que comer nos contentores de lixo.  Não prepararam nada. Não formaram filas longas para levantar algum dinheiro na ATM, para comprar o que quer que seja nos supermercados ou ainda nos dumbanengues (pequenos mercados informais). Sem […]