O incontornável feitiço da diplomacia

Os últimos tempos têm sido funestos. Trágicos, na dimensão humana, de gratuita e brutal violência, no campo militar. Catástrofes humanitárias desproporcionais, agora, acrescidos pela súbita partida deste iconoclasta, na área da diplomacia.  Abril, mês da revolução dos cravos, fermento das nossas independências, tem sido de insofismáveis contrariedades. Coincidência, foi o mês em que Oldemiro despontou […]