Da folia do Entrudo na Avenida de Angola

Enquanto o Pablo entretinha-se a esmurrar fantasmas aproximava-se a época do carnaval. Era um momento por que a maioria dos habitantes da cidade e dos subúrbios ansiava. Organizavam-se bailes nos grandes clubes da capital, como nos pavilhões do Sporting e da Malhangalene, sem falar noutras agremiações de não menor estatuto, como o Clube dos Engraxadores, […]

Mia Couto dedica novo livro às pessoas que lhe alimentam a esperança

O caçador de elefantes invisíveis é o título do mais recente livro de Mia Couto. A obra literária reúne contos escritos ao longo de dois anos e foi apresentada ao público na Fundação Fernando Leite Couto, na Cidade de Maputo.   No princípio da COVID-19, Mia Couto escreveu um texto que foi publicado no The […]

Da venda do sumo de cajú e dos acontecimentos paralelos…

Como consequência das mazelas contraídas durante “a batalha do Beira-Mar”, o Garrincha permaneceu em casa a convalescer durante uma semana. Embora homem de largo arcaboiço e de força taurina, os jogadores do Gazense e seus apoiantes  inflingiram-lhe uma sova de que guardará recordações pelas temporadas mais próximas. Obviamente que naquele evento houve muitas vítimas, com […]

Fernando Parruque estreia-se com As cinco pragas do divórcio

O livro é composto por 25 contos, entre os quais “A virgem”, “A Mafalda vai ser purificada no kutxinga”, “O grito das vozes num quarto em silêncio”, “Melhor estar soleiro ou solteira, pior é divorciar”, “A guerra de relacionamentos entre casais” e “A promiscuidade”. Estas histórias surgem como experiência de observações e inspiração no quotidiano. […]

Marcas d’uma guerra civil

MoÇambique estava a ser dilacerado por uma sangrenta guerra civil que rebentou dois anos após a independência do país: a guerra dos 16 anos. De todos os cantos ouvia-se o barulho das armas na província da Zambézia. Milhares de pessoas deslocavam-se de uma região para outra a procura de lugares seguros para habitarem. Durante essas […]

Em Tomar ninguém morre assim…

Três cavalos no estábulo. Dois castanhos e um branco, cada um preso no seu quarto. Fora do estábulo muitas árvores e um céu azul que a pouco e pouco vai sendo tomado pelos mistérios do anoitecer. A Cristiana, namorada do David, vai me apresentando os meninos que estão presos no estábulo enquanto o pai os […]