O País – A verdade como notícia

Supremo autoriza Lula a participar do velório do irmão

O Supremo Tribunal Federal (STF) autorizou o antigo presidente Lula da Silva a deixar a prisão onde se encontra, na sede da Polícia Federal em Curitiba, para comparecer ao funeral do irmão, Genivaldo Inácio da Silva, que morreu esta terça-feira (29).

A instância superior reverte, assim, a decisão inicial, do tribunal de Curitiba, que ratificava a decisão da Polícia Federal em não autorizar a saída do detido, por motivos logísticos.

Lula da Silva está preso desde 7 de abril do ano passado, no âmbito da Operação Lava Jato, cumprindo uma pena de 12 anos e um mês de prisão por acusações de corrupção passiva e branqueamento de capitais.

Lula, que foi presidente do Brasil entre 2003 e 2010, poderá, assim, deslocar-se até à cidade de São Bernardo do Campo, em São Paulo, onde serão realizadas as cerimónias fúnebres.

Genival Inácio da Silva tinha 79 anos e lutava contra um tipo de cancro raro que afetou os vasos sanguíneos.

 

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos