O País – A verdade como notícia

Supermercados portugueses saqueados e incendiados na África do Sul

Três supermercados de empresários portugueses foram saqueados e incendiados no litoral da vizinha África do Sul em resultado dos protestos pró-Zuma.

Informações dadas pelo Notícias ao Minuto, citando a Lusa, ditam que, em Durban consta um caso de um supermercado do Food Lovers Market, onde os, manifestantes entraram durante a noite e roubaram muitos artigos.

Na África do Sul tem ocorrido, nos últimos dias, violentos protestos depois de o ex-Presidente sul-africano Jacob Zuma ter sido detido.

“Depois temos, infelizmente, em Pietermaritzburg, uma família que tinha vários supermercados e dois deles foram afectados, julgo que um deles foi incendiado, roubaram muita coisa e também destruíram”, explicou o cônsul português, Elias de Sousa em entrevista à Lusa.

O cônsul português confirmou, igualmente, que “as Forças Armadas sul-africanas estão destacadas nas ruas de Durban e Pietermaritzburg, capital da província litoral oriental do KwaZulu-Natal, para conter as acções de violência que eclodiram desde quinta-feira após a detenção do ex-Presidente Jacob Zuma para cumprir pena de prisão por desrespeito ao Tribunal Constitucional, a mais alta instância judicial no país”.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos