O País – A verdade como notícia

Suécia reforça apoio financeiro em Moçambique

A Embaixada da Suécia e a We Effect, instituição cuja vocação é criar um mundo sustentável, justo e livre da pobreza, assinaram, hoje, um acordo de financiamento no valor de 700 milhões de meticais para a extensão do apoio à sociedade civil nas áreas de recursos naturais, agricultura, mudanças climáticas e meio ambiente – NACE, no âmbito da implementação da segunda fase do Programa de Acção para uma Governação Inclusiva e Responsável – AGIR, para o período 2018-2020.

“Com a assinatura deste acordo, pretendemos reforçar a capacidade das organizações moçambicanas da sociedade civil e respectivas comunidades locais beneficiárias, para melhor participarem e influenciarem processos de decisão sobre a gestão dos recursos naturais de Moçambique”, explicou Mikael Elofsson, chefe da cooperação da Embaixada da Suécia em Moçambique.

A Suécia apoia mais de 70 organizações moçambicanas da sociedade civil, para assegurar a efectivação de uma governação democrática mais inclusiva e participativa no país, e uma componente importante do apoio sueco é reforçar a capacidade destas organizações para implementar programas de desenvolvimento.

“Este apoio desempenha um papel fundamental na promoção da democracia e da gestão responsável e inclusiva de recursos naturais, visando melhorar as condições de mulheres e homens que vivem nas zonas rurais de Moçambique”, disse Maria Schultz, directora regional da We Effect.

O montante global a ser desembolsado dentro do acordo com a We Effect, ao longo dos seis anos da sua implementação, de 2015 a 2020, é de aproximadamente 1.2 biliões de meticais. A We Effect fortalece a capacidade das organizações democráticas baseadas em membros para permitir que mulheres e homens na pobreza melhorem suas condições de vida.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos