O País – A verdade como notícia

Sem tréguas, COVID-19 mata mais quatro pessoas e infecta 662 em Moçambique

A COVID-19 não dá tréguas ao país e voltou a fazer quatro vítimas mortais no domingo e na segunda-feira. A boa nova é que 547 pessoas se recuperam da infecção mas outras 662 testaram positivo.

As mortes ocorreram nas províncias de Tete (01), Manica (01) e na cidade de Maputo (02). Das vítimas, três são homens com idades que variam de 30 a 67 anos e a outra é do sexo feminino, de 57 anos.

Todos são cidadãos de nacionalidade moçambicana e as mortes resultaram de complicações no seu estado de saúde durante o período de hospitalização, segundo esclarece o Ministério da Saúde, em comunicado a que “O País” teve acesso.

O país soma 201 óbitos desde que a doença eclodiu em Moçambique, a 22 de Março passado.

Esta terça-feira, a Saúde anunciou mais um recorde diário: 662 pessoas infectadas pela COVID-19, das quais 608 moçambicanas, seis estrangeiras e 48 de nacionalidade ainda não identificada. As infecções resultaram de transmissão local.

Assim, Moçambique passa a contar com 22.996 casos já diagnosticados do novo Coronavírus, sendo 22.680 de transmissão local e 316 importados.

Enquanto isso, 547 pessoas ficaram livres da COVID-19, o que elevando o cumulativo para 18.170, ou seja, 79% de todos os infectados.

Quatrocentos e seis recuperados são da capital do país, 57 da província de Manica, 42 de Inhambane, 27 de Sofala e 15 da Zambézia.

Dos 547 recuperados, 536 são moçambicanos, nove estrangeiros e dois cidadãos de nacionalidade “ainda por apurar”.

Nestas 24 horas, uma pessoa foi internada na província de Nampula, duas na Zambézia e 14 na capital do país.

Actualmente, existem 135 doentes a receberem cuidados médicos nos centros de tratamento da COVID-19.

O número de casos activos do novo Coronavírus subiu para 4.621 no país.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos