O País – A verdade como notícia

Rússia pretende reforçar apoio ao combate contra terrorismo em Cabo Delgado

Foto: O País

Rússia está disponível a apoiar Moçambique no combate ao terrorismo. A intensão foi manifestada pelo vice-ministro dos Negócios Estrangeiros do país. Quanto ao julgamento do caso das “dívidas ocultas” em curso, o país está esperançoso numa solução.

O vice-ministro dos Negócios Estrangeiros da Rússia foi recebido nesta terça-feira, em audiência, pela ministra dos Negócios Estrangeiros, Verónica Macamo. No encontro, passaram em revista o estágio da cooperação entre os dois países, tendo os dirigentes concluído que os dois Estados gozam de excelentes relações.

Falando a jornalistas, o vice-ministro russo, Mikhail Bogdanov, manifestou o interesse do seu país em apoiar Moçambique em tudo que for necessário para combater o terrorismo, segundo avançou o governante russo.

“Reiteramos que a questão do terrorismo em Cabo Delgado é um problema bastante sério para Moçambique e nós, tendo relações tradicionais de cooperação e amizade, estamos prontos para apoiar em tudo que for necessário”, disse.

Na ocasião, Bogdanov falou sobre a dívida contraída por empresas moçambicanas ao banco russo VTB. Sem avançar detalhes, referiu que tem esperança num desfecho para a situação.

“Acerca da questão da VTB, partimos da ideia de que será possível encontrar uma solução mutuamente aceitável e tendo em conta as necessidades de Moçambique, na esfera de desenvolvimento económico e perspectivas da nossa cooperação nessa área.”

Em 2022, a Rússia vai realizar a segunda cimeira Rússia-África, em Moscovo, e espera-se a participação de Moçambique.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos