O País – A verdade como notícia

Rússia predispõe-se a oferecer vacina a Trump

Em gesto de solidariedade, a Rússia está disposta a oferecer uma vacina ao presidente norte-americano e à sua esposa que testaram positivo para a COVID-19, na última quinta-feira

A vacina chama-se “Sputnik V” desenvolvida pelo Instituto de Investigação Gamaleya em coordenação com o Ministério da Defesa russo. A vacina provou a sua eficiência contra doença respiratória adenovírus, uma gripe comum.

Entretanto, ainda não houve nenhuma resposta da parte de Washington. Num vídeo de 4 minutos publicado no twitter, Donald Trump disse que se sentia tão bem que podia deixar o hospital, mas acrescentou que os próximos dias seriam decisivos para sua saída. As declarações de Trump vieram amenizar informações contraditórias da Casa Branca em torno da saúde do presidente.

Trump, de 74 anos de idade, é agora um paciente do grupo de risco, devido à sua idade avançada e peso. O seu opositor democrata nas eleições de 3 de Novembro, Joe Biden deseja-lhe rápidas melhoras e, ao mesmo tempo, acusou-o de má gestão da pandemia que já fez 208 mil óbitos nos Estados Unidos.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos