O País – A verdade como notícia

Resultados das eleições no Congo sem data para publicação

A publicação dos resultados das eleições presidenciais da República Democrática de Congo foi adiada. Tinha sido marcado para este domingo, entretanto a comissão de eleições daquele país da África Central, citada pela agência de notícias Reuters diz que recebeu apenas 47% dos votos até o último sábado.

A votação, que aconteceu no dia 30 de Dezembro de 2018, poderá definir o sucessor do actual presidente Joseph Kabila, que governou o país de 80 milhões de pessoas desde que seu pai foi assassinado em 2001, por um lado. Por outro, estas eleições marcam a primeira transição de poder em Congo desde a Independência da Bélgica em 1960. A República Democrática de Congo nunca experimentou uma transferência pacífica do Poder.

A oposição, representada por seus dois principais candidatos Martin Fayulu e Felix Tshisekedi, e a coalizão governista dizem que seus candidatos venceram.

As tensões aumentaram depois que os observadores relataram de irregularidades que a oposição diz serem parte do esforço do partido no poder para roubar a eleição.

O órgão da Igreja Católica do Congo, CENCO, disse nesta semana que identificou o vencedor com base em seus próprios registros coletados por 40.000 observadores, embora não tenha nomeado o vencedor.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos