O País – A verdade como notícia

Residentes de Marracuene contra construção de um aterro sanitário

Moradores de Marracuene negam a construção de um aterro sanitário naquele distrito. Com a previsão de instalação numa zona residencial, o projecto leva consigo várias contestações.

Alguns moradores alegam que a construção do aterro naquele espaço é um verdadeiro atentado a sua saúde e dizem que não irão permitir que o projecto avance.

Referem ainda que, ao invés de se avançar com o projecto de construção de um aterro sanitário devia se erguer um tanque subterrâneo para o fornecimento de água.

O administrador do distrito, Juvêncio Mutacate, desvaloriza o facto e explica que a instalação do aterro é temporária.

Mutacate diz ainda que o distrito tem estado a enfrentar sérios problemas de recolha de resíduos sólidos, daí a construção do aterro.

No dia 2 de Abril está marcada uma auscultação pública com os moradores daquele distrito.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos