O País – A verdade como notícia

Quadros de informação do MDM preparam estratégias para as eleições gerais

O Movimento Democrático de Moçambique reuniu quadros de informação e organização, este sábado, para reflectir sobre os resultados das últimas eleições autárquicas e desenhar estratégias para as eleições gerais de 2019.
 
Dados divulgados pela Comissão Nacional de Eleições (CNE) no âmbito das últimas eleições autárquicas 2018 dão vitória à Frente de Libertação de Moçambique (FRELIMO), partido no poder, em 44 municípios, à Resistência Nacional Moçambicana (RENAMO) em oito autarquias, enquanto o Movimento Democrático de Moçambique (MDM), terceiro maior partido, ganhou no município da Beira. Relativamente a 2013.

Frustrada a expectativa de vencer as eleições autárquicas de 10 de Outubro, o MDM juntou na mesma sala os chefes da informação e organização das províncias de Inhambane, Gaza e Maputo para discutir as melhores estratégias para as eleições do próximo ano.

Falando a jornalistas, o chefe de informação, Augusto Pelembe disse que o partido está a preparar-se da melhor forma possível para que nada falha no próximo ano e segundo ele os moçambicanos sabem que onde o seu partido governa o povo fica satisfeito.

“ Queremos nas próximas eleições vencer e nós temos um projecto que deve se fazer sentir na vida dos moçambicanos, por isso é que estamos aqui reunidos para garantir que os departamentos de organização e informação estejam prontos para próximos desafios eleitorais, estamos a falar das eleições gerais de 2019” Disse Augusto Pelembe.

No encontro esteve representada a Liga Feminina do partido, organização que considera estratégica apostar para a mobilização de eleitores.

“ Para o próximo ano, a liga da mulher do MDM está a organizar-se para garantir que a mobilização seja mais coesa e que estejamos todos numa única plataforma. É um facto que em Moçambique a mulher é a maioria tendo em conta os vários estudos feitos no país, sabendo disto nós temos um papel fundamental. O projecto do MDM é apostar na juventude e na mulher porque temos um objectivo comum que é na verdade trazer a mudança para o povo moçambicano” Referiu Sónia Mboa, Liga da Mulher do MDM.

Segundo o chefe de informação do MDM, o uso das tecnologias de informação e das redes sociais será uma das estratégias a ser usada pelo partido para comunicar com potenciais eleitores.
 

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos