O País – A verdade como notícia

Procuradoria anuncia recaptura de cadastrados que haviam fugido da cadeia

Foram capturados, na cidade da Beira, três dos 17 arguidos que fugiram da Cadeia Central da Beira, no passado dia 6 de Agosto, com ajuda de alguns guardas prisionais. Trata-se de Pascoal Alberto Fombe, indiciado na prática do crime de roubo qualificado, cujo processo foi acusado e remetido ao tribunal; o segundo recapturado responde pelo nome de Gonçalves António Tomocene, condenado a 15 anos de prisão maior; e Moniz Ernesto Banco, indiciado na prática do crime de roubo qualificado, cujo processo já foi igualmente acusado e remetido ao tribunal.

De acordo com Carolina Azarias, procuradora-chefe da província de Sofala, Moniz Ernesto Banco foi um dos indivíduos que planificaram a fuga da Cadeia Central da Beira, na companhia de Ismael Macorreia, outro recluso fugitivo. Os dois estão envolvidos no roubo de mais de 27 milhões de meticais, no primeiro semestre deste ano, num dos balcões do Millennium bim, na cidade da Beira. “As investigações em torno do assalto ao Millennium continuam, na base de dados fornecidos pelos assaltantes, como, por exemplo, a localização dos bens comprados com o dinheiro do roubo. Estamos a falar de ‘mini-bus’, vulgo ‘chapa 100’, carrinhas de caixa aberta para aluguer e casas. São processos autónomos que ainda estão em investigação e que oportunamente serão remetidos ao tribunal”.

Quanto à fuga dos prisioneiros, Carolina Azarias indicou que grande parte dos que ainda não foram capturados estão condenados a penas que variam de oito a 22 anos de prisão maior. “Apelamos aos fugitivos a entregar-se ou os parentes dos mesmos a persuadi-los a entregar-se às autoridades”.

Refira-se que, na sequência da fuga dos 17 reclusos, seis pessoas foram detidas, na sua maioria guardas prisionais, indiciadas de terem facilitado a fuga dos arguidos.

De recordar que a fuga dos 17 reclusos ocorreu nas primeiras horas da manhã do passado dia 6 de Agosto, tendo sido usadas duas viaturas, uma de marca Ford Ranger, dupla cabina, onde fugiram os envolvidos no assalto ao Bim, e uma outra ligeira, cujo motorista acabou sendo detido pelos populares que se encontravam nos arredores da cadeia central, quando se aperceberam dos movimentos estranhos.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos