O País – A verdade como notícia

Prevalece desobediência às medidas de prevenção da COVID-19 em Milange

Foto: O País

A População de Milange continua a não usar máscaras de protecção facial, nem observar o distanciamento físico para a prevenção da COVID-19. O governador da província da Zambézia, Pio Matos, tendo constatado a situação, apelou para o seguimento de medidas preventivas do Coronavírus.

Zalimba, na província da Zambézia, é a região onde se constata a maior desobediência às medidas de prevenção da COVID-19. Trata-se de uma zona que faz fronteira com Malawi e o movimento migratório coloca aquela região mais vulnerável à COVID-19.

O governador da Zambézia, que esteve hoje em Zalimba para inaugurar um centro de saúde, chamou atenção para o cumprimento das medidas de prevenção.

“Podemos trabalhar e ter saúde, mas, se não combatermos o novo Coronavírus, estaremos a criar mais um problema para a nossa sociedade. Nós não temos medicamentos para tratar o Coronavírus. O único remédio é continuar a respeitar e aplicar as instruções que o Governo dá, como lavar sempre as mãos, seguir o distanciamento físico e usar a máscara”, apelou Pio Matos.

Refira-se que, na Zambézia, as autoridades de saúde se desdobram para travar os casos da COVID-19, mas a população, sobretudo do interior da província, não colabora.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos