O País – A verdade como notícia

Presidente da República visita Zambézia

O Presidente da República, Filipe Nyusi, inicia amanhã uma visita de trabalho de três dias à província da Zambézia.

De acordo com dados em nosso poder, a visita do chefe de Estado enquadra-se no seu modelo de governação, baseado no contacto com as comunidades, para se inteirar do grau de implementação do seu programa de governação, assim como da vida das populações.

Um comunicado a que tivemos acesso indica que Filipe Nyusi vai escalar os distritos de Maganja da Costa, Mocuba, Gurúè, Mocubela, Lugela e Quelimane.

Da agenda do Chefe de Estado, consta a inauguração da Faculdade de Engenharia Agronómica e Florestal da UniZambeze, no distrito de Mocuba. Ainda no que a inaugurações diz respeito, a agenda inclui a inauguração da fábrica de processamento de macadâmia, um dos produtos de exportação que serão aposta da província da Zambézia.

Comícios populares, reuniões com órgãos dos governos distritais e provincial, assim como com membros do partido Frelimo na Zambézia, estão também na agenda da visita.

E porque a promoção da produção e produtividade tem sido a principal palavra de ordem do Chefe de Estado ao longo das suas visitas de trabalho às províncias, Filipe Nyusi vai manter um encontro com produtores e intervenientes do sector da comercialização agrícola naquela província central do país.

Recorde-se que a última província visitada pelo Chefe de Estado foi Sofala. A visita teve lugar de 11 a 13 de Agosto corrente.

No final da visita, lembre-se, o Presidente da República, Filipe Jacinto Nyusi, atribuiu nota positiva à província de Sofala, ao afirmar que está a trabalhar no sentido de consumar e superar as metas constantes do Programa Quinquenal do Governo 2015/19.

O Chefe do Estado avaliou positivamente a província no término da visita, na vila de Búzi, sua última escala do périplo de três dias que o levou aos distritos de Gorongosa, Muanza e Chibabava, onde orientou comícios, sessões do governo provincial alargadas a outros quadros, bem como uma vista aos empreendimentos socioeconómicos.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos