O País – A verdade como notícia

Ponta do Ouro com novo sistema de abastecimento de água

Com capacidade para abastecer até 20 mil habitantes, o novo sistema de abastecimento de água da localidade da Ponta do Ouro foi, hoje, inaugurado pelo Presente da República, Filipe Nyusi.

A infra-estrutura veio acabar com o drama de milhares de pessoas que se viam privadas de ter acesso à água potável. Antes da inauguração do novo sistema, apenas quatro (4) mil pessoas tinham acesso à água canalizada. Com a implantação do sistema, até agora, foram servidos 12 mil habitantes da localidade cuja população é estimada em 16 mil habitantes.

Falando na ocasião, Filipe Nyusi, disse que a iniciativa irá ajudar nos esforços de combate à doenças diarreicas, e principalmente, irá contribuir para frear o avanço do novo Coronavírus.

“Entendemos que com este sistema iremos reduzir doenças causadas pelo deficiente acesso à água. Poderemos com isso reduzir os encargos que o estado tem com a compra de fármacos. Esse dinheiro será utilizado para outras necessidades ou investimentos”, referiu o Chefe de Estado para depois acrescentar que “vai também ajudar a dinamizar o turismo, uma potencialidade desta localidade. Porque o turista quando vem ao nosso país precisa de água de qualidade para a sua higiene e para confeccionar alimentos. Outrossim, irá melhorar a qualidade de vida das populações locais que não terão que percorrer grandes distâncias para ter acesso à água potável e de qualidade”, detalhou.

Noutro desenvolvimento, exortou a população para que possa cuidar da infra-estrutura de modo a que seja duradoura.

“Isso significa que a cada um de nós tem responsabilidade em relação a este empreendimento. Devemos cuidar de tal modo que seja útil por muito tempo. A água é um recurso esgotável, por isso, saibam consumir com responsabilidade”, aconselhou.

Filipe Nyusi reiterou ainda que é preocupação do seu governo garantir água para maior parte da população que vive tanto nas zonas urbanas, assim como nas rurais, tendo por isso avançado que ainda neste mandato.

“Pretendemos construir mais de 360 sistemas de abastecimento de água para que as nossas populações possam ter uma qualidade de vida melhor”, terminou.

Orçado em 67.3 milhões de meticais, fundos do governo, através da iniciativa Água Para a Vida, a obra teve duração de um ano.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos