O País – A verdade como notícia

Polícia descobre autores e motivações dos ataques em Cabo Delgado

Traficantes de pedras preciosas de Montepuez, são os líderes e financiadores do grupo armado instalado em Cabo Delgado há cerca de de dois anos. O facto foi revelado pelo comandante Geral da Polícia,Bernardino Rafael.

As causas e os financiadores dos ataques armados em Cabo Delgado, foram publicamente anunciados pelo Comandante Geral da Polícia da República de Moçambique, no distrito de Montepuez, durante uma reunião de auscultação pública sobre a criminalidade na província.

Perante a população, Bernardino Rafael, denunciou os autores e descreveu o trajecto dos traficantes de pedras preciosas de Namanhumbir, que supostamente são líderes do grupo de insurgentes.

Entretanto, apesar dos avanços registados nas investigações da Polícia, o grupo armado, continua a ser financiado a partir de Montepuez, segundo confirmou Bernardino Rafael.

A mega operação de retirada compulsiva de cerca de 6 mil supostos garimpeiros e traficantes de pedras preciosas de Montepuez, foi realizada pela Polícia em Abril de 2017, seis meses antes do início dos ataques armados em Cabo Delgado.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos