O País – A verdade como notícia

Plantel do Costa do Sol (quase) fechado

Horácio Gonçalves já definiu os jogadores com os quais vai trabalhar na época 2019 das competições nacionais e internacionais no Costa do Sol.

Ao todo serão 24 os jogadores que vão compor o plantel que vai disputar as três provas em que estará inserida no ano 2019, nomeadamente o campeonato nacional de futebol, o Moçambola, a Taça de Moçambique e a Taça da Confederação Africana, também conhecida como Taça CAF ou Taça Nelson Mandela.

O técnico português conseguiu manter mais de 80% dos jogadores que fizeram parte do plantel do ano passado, com destaque para o capitão da equipa Isac de Carvalho, que mesmo não tendo a titularidade nos últimos jogos, conseguiu ainda passar para a época seguinte. Aliás, Isac não jogou nem mesmo a final da Taça de Moçambique, prova ganha pelos “canarinhos”, que venceram na final, nas grandes penalidades, ao Ferroviário da Beira e ganharam o direito de disputar a Taça CAF.

O Costa do Sol, que terminou na segunda posição no campeonato nacional na segunda posição, atrás da União Desportiva de Songo, contratou cinco jogadores para colmatar a saída de alguns jogadores, com destaque para o defesa, Víctor, vindo do Guarani do Brasil, para além de Maninho, que esteve ligado ao Ferroviário da Beira, este ano. Roldão e Eládio, vindos do Sporting de Nampula, são outros reforços aos quais junta-se Prince, vindo da Libéria.

Eis o plantel do Costa do Sol para a época 2019:

Guarda-redes: Victor, Wilson e Kampango.

Defesas: Manucho, Cláudio, Chico, Vitor (ex-Guarani – Brasil), Djalo, Roldão (ex-Sporting de Nampula), Jorge e Eládio (ex-Sporting de Nampula).

Médios: Nené, Hilário, Nélson, Raúl, Nilton, Stephen, Zequito e Prince (ex-LISCR – Libéria).

Avancados: Mbulu, Kino, Dibale, Isac e Maninho (ex-Ferroviário da Beira).

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos