O País – A verdade como notícia

PGR diz estar inconformada com a extradição de Chang para os EUA

A Procuradoria-Geral da República (PGR) diz estar inconformada com a substituição da decisão anterior de extraditar o antigo ministro das Finanças, Manuel Chang para Moçambique.

“Nessa medida, a República de Moçambique, através da Procuradoria-Geral da República, instruiu ao seu advogado a solicitar a suspensão da implementação da decisão e interpor recurso”, lê-se numa nota de imprensa divulgada hoje.

A PGR refere, ainda, que orientou ao mandatário a apresentar um pedido de acesso directo ao Tribunal Constitucional que, na sua opinião, está em melhor posição para reapreciar a decisão.

A reacção da PGR surge horas após o Tribunal Superior de Gauteng, em Joanesburgo, ter anunciado a extradição de Manuel Chang, para os EUA, alegadamente porque caso fosse enviado para Moçambique, não seria responsabilizado.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos