O País – A verdade como notícia

PGR acusa formalmente agentes do SERNIC envolvidos no rapto na Matola

Um comunicado de imprensa emitido pela Procuradoria-Geral da Repúbllica, hoje, refere que o Ministério Público, acusou e notificou, os agentes da Polícia da República de Moçambique (PRM) e do Serviço Nacional de Investigação Criminal (SERNIC), em prisão preventiva, desde Abril de 2021, pela prática de vários crimes, dentre os quais, roubo agravado, tráfico de droga e outras actividades ilícitas, sequestro, associação criminosa, porte ilegal de armas proibidas, entrada abusiva em casa alheia, abuso de cargo ou função, abandono de sinistrado, branqueamento de capitais, falsificação de documentos, uso de documento falso.

A acusação do Ministério Público surge na sequência da ocorrência de um acidente de viação, no Município da Cidade da Matola, particularmente no Bairro de Khongolote, envolvendo uma viatura de marca Toyota Land Cruiser, conduzida por uma cidadã nacional, em razão de uma perseguição protagonizada por agentes da PRM e SERNIC afectos às direcções da Cidade e Província de Maputo, junto as Brigadas de Rapto e Criminalidade Organizada que, posteriormente raptaram-na, foi autuado o processo-crime n° 27/10/P/22, a 14 de Fevereiro de 2022, pela Procuradoria Provincial da República-Maputo.

Segundo o Ministério Público, os referidos agentes pretendiam apoderar-se de bens, drogas e valores monetários na posse da cidadã, uma vez que a mesma se dedica ao tráfico e venda de drogas, tendo-a ameaçado e agredido fisicamente, com recurso a armas de fogo do tipo Makarov e AKM.

“Os referidos agentes pela sua condição de operativos, usando de informação privilegiada, em proveito próprio, violaram os princípios e deveres profissionais, bem como o compromisso e juramento de bem servir a pátria e ao Estado moçambicano”, diz a PGR.

Em resultado destes factos, o SERNIC instruiu em 2021, processos disciplinares que culminaram com a aplicação da sanção de expulsão contra os visados.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos