O País – A verdade como notícia

Petro de Luanda e Luís Miquissone nas meias-finais da Liga dos Campeões africanos

Foto: Presidência da República

A segunda mão dos quartos-de-final da Liga dos Campeões africanos de futebol que decorreu no fim-de-semana já conheceu os semi-finalistas.

A única equipa angolana presente nesta fase da prova, o Petro de Luanda, eliminou o Mamelodi Sundowns e apurou-se para as meias-finais da prova. O Petro de Luanda empatou a uma bola na deslocação ao terreno dos sul-africanos do Mamelodi Sundowns.

O único tento da equipa angolana foi apontado pelo avançado brasileiro Tiago Azulão, de grande penalidade. Já pelos sul-africanos o golo foi marcado pelo defesa queniano Brian Onyango.

Com este resultado, a equipa de Luanda apurou-se para as meias-finais da Liga dos Campeões africanos de futebol, visto que, na primeira mão, em Angola, o Petro de Luanda tinha vencido por 2-1.

Recorde-se que a equipa sul-africana, o Mamelodi Sundowns, não era um adversário fácil, visto que já arrecadou a prova em 2016.

De notar que o melhor resultado obtido pelos petrolíferos foi uma meia-final em 2001, tendo o clube caído perante, curiosamente, o Mamelodi Sundowns. As duas equipas venceram os respectivos jogos em casa por 2-0, mas, na marcação das grandes penalidades, os sul-africanos venceram por 5-3. O Mamelodi Sundowns foi depois derrotado na final pelos egípcios do Al-Ahly.

Assim, o Petro de Luanda vai defrontar, nas meias-finais, o Wydad Casablanca do Marrocos que afastou o CR Belouizdad da Argélia com agregado tangencial de 1-0 alcançado na primeira mão, em Argel.

No embate da segunda mão, as duas equipas empataram sem abertura de contagem.

 

LUÍS MIQUISSONE VÊ DO BANCO PASSAGEM DO AL-AHLY DO EGIPTO

Nos outros encontros, os egípcios do Al-Ahly, equipa na qual milita o moçambicano Luís Miquissone, que não saiu do banco nesta eliminatória, empataram a uma bola na deslocação ao terreno dos marroquinos do Raja Casablanca, a um golo.

Depois da derrota na primeira mão, em Cairo, por 2-1, o Raja ainda empatou a eliminatória aos cinco minutos, quando Fabrice Ngoma marcou, mas debalde, porque Mohamed Monem colocou os egípcios nas meias-finais com agregado de 3-2.

O campeão egípcio e africano vai defrontar, na derradeira eliminatória de acesso à final da liga milionária africana, o ES Sétif da Argélia, que, depois do nulo verificado na primeira mão, na sua casa, foram a Tunis derrotar o Esperance da Tunísia por uma bola sem resposta, com o golo apontado por Abdelmoumene Djabou, aos 21 minutos, garantindo, assim, lugar nas meias-finais.

A primeira mão das meias-finais da Liga dos Campeões africanos decorre entre 6 e 7 de Maio e a segunda mão entre 13 e 14 do mesmo mês de Maio. A final será disputada a 29 de Maio próximo.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos