O País – A verdade como notícia

Personalidades esperam que o Santo Padre traga mensagens de esperança

Várias personalidades encontram-se no Palácio da Ponta Vermelha para o encontro com o Santo Padre. O presidente do partido Renamo, Ossufo Momade, espera que o Papa Francisco venha trazer a paz e reconciliação nacional.

“A presença do Papa vai ajudar muito na medida em que o povo precisa de paz. Estamos em um momento eleitoral e a presença do Santo Padre vai ajudar com a reconciliação”, falou Ossufo .

O líder da Renamo disse ainda que o trabalho do Sumo Pontífice vai dar continuidade ao que se pretende em Moçambique, que é continuar com o desenvolvimento e a paz.

O antigo presidente de Moçambique, Joaquim Chissano, disse que a presença do Papa em Moçambique traz um sentimento é de satisfação.
“Estamos na cerimónia do encontro entre o Estado Vaticano e o Estado moçambicano, é uma alegria, um reencontro que é sinal de continuidade e boas relações”, comentou Chissano.

Já o presidente do MDM, Daviz Simango, diz que vive-se num mundo em que há atropelos às leis de Deus.

“Eu penso que a presença do líder supremo da igreja católica vai nos relembrar a necessidade de voltar a obedecer as leis de Deus para nos trazer a paz”, Disse Simango

Armando Guebuza, antigo estadista, é da opinião que a presença de sua santidade em Moçambique encoraja a comprri vom o lema da sua vinda que é “reconciliação, paz e esperança”.

“É uma benção, vamos ter a oportunidade de ser abençoados pelo Santo Padre é um momento histórico no nosso país”, disse Ivone Soares.

Soares acrescentou que o país está em momento de campanha e há vários desafios para manutenção da paz e espera que o desafio da reconciliação seja uma realidade.

 

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos