O País – A verdade como notícia

Pelo menos 50 pessoas morreram em atentado bombista no Afeganistão

Pelo menos 50 pessoas morreram no atentado bombista de sábado junto da escola secundária feminina, na zona ocidental de Cabul, indicou, hoje, um novo balanço do Ministério do Interior afegão.

Mais de 100 pessoas ficaram feridas na explosão, ao início da tarde de sábado, de um carro armadilhado à porta da escola Sayed al-Shuhada e na explosão de duas outras bombas quando as estudantes fugiam, em pânico, do edifício, disse o porta-voz do Ministério Tareq Arian, citado pelo “Notícias ao Minuto”.

O anterior balanço dava conta de cerca de 30 mortes e 79 feridos, de acordo com as autoridades afegãs.

O atentado não foi reivindicado, mas o Presidente do Afeganistão, Ashraf Ghani, atribuiu a responsabilidade aos talibãs.

Numa declaração, os talibãs negaram qualquer envolvimento, condenaram o ataque a civis e culparam “círculos sinistros que, em nome do (grupo extremista Estado Islâmico) EI, operam sob as asas e a cobertura dos serviços de informação da administração de Cabul”.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos