O País – A verdade como notícia

Pandemia, violência e eleições marcam primeira mensagem do PR de Cabo Verde

Foto: Visão

A pandemia da COVID-19, a violência de género e sexual contra menores e as duas eleições realizadas em 2021 marcaram a primeira mensagem de Ano Novo do novo Presidente da República de Cabo Verde, José Maria Neves.

O Chefe de Estado cabo-verdiano, que foi eleito em 17 de Outubro e tomou posse em 09 de Novembro, começou por sublinhar que o ano foi “extremamente difícil”, por causa da pandemia e seus “efeitos devastadores”, de acordo com a DW.

“A pandemia teve um forte impacto em Cabo Verde, com efeitos desestruturantes na economia, mas na sociedade no seu todo também”, notou, acrescentando que apesar disso o país resistiu, graças também ao apoio da sua diáspora e da comunidade internacional.

Sobre as empresas, José Maria Neves lembrou que foram intensamente atingidas e considerou que precisam de “medidas concretas” de apoio à recuperação, tal como o tecido social, que considerou exigir mais investimentos em domínios como a saúde, habitação e emprego.

O Presidente cabo-verdiano congratulou-se com “extraordinário trabalho” do Governo na vacinação contra a COVID-19, agradeceu o apoio da comunidade internacional e elogiou o Sistema Nacional de Saúde (SNS).

“Temos de manter os esforços nesta frente, vacinando mais e mais, convencendo a vacinar-se os que ainda resistem, mas igualmente mantendo firmes as regras de segurança sanitária”, apelou.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos