O País – A verdade como notícia

Pandemia da COVID-19 agrava fome no mundo

A fome no mundo piorou de forma dramática em 2020, devido às limitações ligadas à produção de alimentos, impostas pela pandemia da COVID-19. A informação é avançada pela Organização das Nações Unidas, que diz que a doença vai comprometer o combate à fome até 2030.

De acordo as Nações Unidas, cerca de 811 milhões de pessoas foram dadas como desnutridas no ano passado, representando quase 10 por cento da população do mundo.

Num relatório sobre o Estado da Segurança Alimentar e da Nutrição no Mundo, a organização diz que mais de 149 milhões de menores de cinco anos de idade têm um mau crescimento, devido à subalimentação.

Os números são ainda assustadores, uma vez que o documento aponta que 30 por cento da população do mundo não tem acesso à comida adequada, ou seja, cerca de 2,3 bilhões de pessoas estão em insegurança alimentar severa.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos