O País – A verdade como notícia

Pagamento de subsídios às vítimas do Idai retoma na Beira

Retomou, hoje, na cidade da Beira, o pagamento de subsídios a algumas vítimas do ciclone Idai, no valor de 15 mil meticais, que tinha sido interrompido, um dia depois de ter iniciado, devido à desordem e ao incumprimento do distanciamento social.

Trata-se de um processo que vai abranger apenas 32 mil pessoas, das cerca de 600 mil que residem na cidade da Beira. Os benificiários do subsidio são os mais afectados, de acordo com um levantamento efectuado logo após a passagem do ciclone, em Março do ano passado.

Contrariamente ao cenário que se viveu na semana passada, caracterizado por enchentes e desordem,  nos locais onde o processo decorreu, que ditou a interrupção do mesmo, para evitar a propagação da COVID-19, hoje os beneficiários estavam serenos a colaborarem com as autoridades e a cumprirem com o distanciamento social.

Os beneficiários,  de forma ordeira, entravam, um a um,  nas salas para receberam os seus valores. São 15 mil meticais divididos em duas tranches de 7 mil e quinhentos meticais cada, pago de três em três meses.

O pagamento da segunda tranche está dependendo do término desta e de alguns procedimentos burocráticos, como a justificação dos valores. Este é uma intervenção do Governo com o apoio dos seus parceiros de cooperação.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos