O País – A verdade como notícia

Ousmane Dembélé recusa saída do Barcelona em Janeiro

Foto: Getty Images

As negociações entre o Barcelona e Ousmane Dembélé para a renovação do contrato duram há semanas. Os espanhóis pretendem continuar a contar com o jogador, mas este tem recebido inúmeras propostas de outros clubes.

A mais recente informação dá conta de que o jogador já decidiu que não irá deixar o clube em Janeiro, isto caso as duas partes não cheguem a acordo para a renovação contratual.

Segundo a estação de rádio espanhola Cadena Ser, que cita fontes próximas do jogador, o atleta pode sair de forma gratuita do Barcelona no verão. “Ou aceitam as suas condições [para renovar] ou sairá em Junho, a custo zero, para a Premier League”, escreve a emissora do país vizinho.

Ousmane Dembélé soma 10 jogos esta época pelo Barcelona, tendo marcado um golo e feito duas assistências.

Entretanto, se não conseguir renovar contrato com Ousmane Dembélé, o Barcelona tem na mira Adama Traoré, avançado do Wolverhampton, treinado por Bruno Lage.

De acordo com o jornal Sport, o empresário Jorge Mendes – que tem boas relações com o Barça e o Wolves – já está em campo, uma vez que o jogador espanhol, que já representou o Barcelona quando jovem, antes de sair para Inglaterra, tem o perfil desejado pela direção desportiva.

Mendes levou Nélson Semedo da Catalunha para Inglaterra e também mediou o empréstimo de Francisco Trincão aos lobos. De resto, Trincão pode ser chave para manter uma eventual transferência por valores baixos, dentro das possibilidades limitadas que o Barcelona ainda tem. Mas também em Inglaterra há olhos atentos a Adama Traoré, nomeadamente o Tottenham.   Enquanto isso, segundo notícia avançada pelo jornal inglês The Sun, Xavi Hernández, treinador do Barcelona, terá vetado a contratação do internacional português Renato Sanches ao Lille.

O antigo jogador do Benfica que teve uma passagem, ainda muito jovem, sem brilho, pelo Bayern Munique e renasceu ao serviço dos franceses do Lille, tendo conquistado o título de campeão na última época, não convence, porém, Xavi Hernández de forma plena.

De acordo com aquele periódico britânico, o técnico catalão terá ainda em mente experiência de Renato Sanches ao serviço dos bávaros, já lá vão cinco anos quando o médio, então com 19 anos, se mudou para o Allianz Arena num negócio que rendeu às águias 35 milhões de euros, com a possibilidade de ascender aos 45M€ mediante objetivos.

Ainda segundo aquela publicação, Xavi Hernández entende que a chegada de Renato Sanches iria travar o crescimento de jogadores da cantera como Pedri, Gavi ou Nico González e pretende jogadores com perfil diferente, mais ofensivo ou box to box, capaz de atacar e defender de forma equilibrada.

 

CÚPULA DE HAALAND DISCUTE FUTURO DO AVANÇADO NAS PRÓXIMAS SEMANAS

O Borussia Dortmund convocou uma reunião com a cúpula de Erling Haaland para discutir o futuro do avançado norueguês nas próximas semanas.

Segundo escreve o jornal alemão Bild, os dirigentes do conjunto germânico vão reunir-se com Erling Haaland, o seu pai e o agente Mino Raiola para esclarecerem todos os rumores em torno do futuro do avançado, que pode sair do clube no próximo verão.

A mesma fonte esclarece que o Borussia Dortmund quer ter uma visão clara sobre o futuro de Haaland até, no máximo, ao fim de Fevereiro para, em caso de saída do norueguês, poder definir quem será o seu substituto na próxima época.

Segundo a imprensa internacional, o Real Madrid e o Manchester City estão em vantagem para contratar o norueguês, sendo que o clube inglês está na dianteira da contratação. Paris Saint-Germain, Chelsea, Manchester United, Barcelona e Bayern de Munique também já demonstraram interesse. De acordo com a Sky Sports, o emblema do Etihad reúne a preferência do jogador e de Mino Raiola, respectivo agente, caso Haaland decida mudar-se para a Liga Inglesa no próximo verão.

Real Madrid, Barcelona, Manchester United, Bayern e PSG são outros dos clubes que já demonstraram interesse em contratar o jovem ponta de lança.

Recorde-se que Haaland está a representar o Borussia Dortmund pela terceira época consecutiva e tem sido um dos grandes destaques da Bundesliga, tendo uma cláusula de rescisão de 75 milhões de euros. Esta temporada já apontou 19 golos em 17 jogos.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos