O País – A verdade como notícia

Ossufo Momade distancia-se dos ataques a viaturas ao longo da EN1

O líder da Renamo distancia-se dos ataques a viaturas ao longo da EN1 e responsabiliza o Estado moçambicano e a chamada Junta Militar da Renamo dirigida por Mariano Nhongo. Momade diz que quando foi vítima de ameaça de morte por Nhongo, em nenhum momento o Estado moçambicano reagiu.

As declarações de Ossufo Momade a Jornalistas aconteceram em Quelimane depois de desembarcar este sábado no aeródromo local.

Ossufo Momade está na Zambézia para agradecer os membros e simpatizantes da Renamo pelo trabalho desenvolvido a quando das eleições do dia 15. Orientou comício popular no campo de Chirangano.

 

 

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos