O País – A verdade como notícia

ONU condena ataques em Palma

A Organização das Nações Unidas condena com veemência os ataques ocorridos a 24 de Março em Palma, província de Cabo Delgado, e mostra-se disponível para proteger os civis, restaurar a estabilidade e levar os terroristas à barra da justiça.

A organização das Nações Unidas diz estar preocupada com os recorrentes ataques terroristas em Palma. Em comunicado emitido pelo gabinete do porta-voz do secretário-geral da organização, António Guterres, lê-se: “Estamos profundamente preocupados com a situação ainda em evolução em Palma, onde os ataques armados começaram a 24 de Março, matando dezenas de pessoas, incluindo algumas que tentaram fugir de um hotel onde se abrigavam. Condenamos veementemente os ataques e apresentamos as nossas profundas condolências às famílias das vítimas e ao Governo de Moçambique”, lê-se no comunicado.

Ademais, a ONU reafirma o seu apoio ao Executivo para restabelecer a ordem na região norte do país.

“As Nações Unidas reafirmam a sua solidariedade e apoio continuado ao Governo de Moçambique nos seus esforços para proteger civis, restaurar a estabilidade e levar os autores destes actos hediondos à justiça”, refere-se no documento.

De acordo com Guterres, há uma coordenação, com as autoridades locais para ver mecanismos de assistência às pessoas afectadas pela violência armada, que provocou cerca de 700 mil deslocados ,segundo o Alto Comissariado das Nações Unidas para Refugiados.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos