O País – A verdade como notícia

OMS aprova primeira vacina contra malária no mundo

Foto: Notícias ao Minuto

A Organização Mundial de Saúde (OMS) anunciou, ontem, a aprovação, pela primeira vez na história, de uma vacina contra a malária, uma doença que tem matado milhares de pessoas.

Foi através da rede social Twitter que a OMS anunciou a boa nova esperada há anos por muitos países: a primeira vacina contra a malária, uma doença parasitária transmitida pela picada do mosquito Anopheles.

Segundo escreve o Notícias ao Minuto, a recém-aprovada vacina chama-se RTS,S / AS01 da farmacêutica GlaxoSmithKline, cujo nome comercial é Mosquirix.

“Hoje é um dia histórico (…). Esta vacina tem o potencial de salvar dezenas de milhares de jovens vidas. Fizemos progressos incríveis nas últimas duas décadas, os casos de malária caíram para metade, mas, globalmente, os casos permanecem demasiado elevados, com 200 milhões de casos anuais e mais de 400.000 mortes”, afirmou o diretor-geral da OMS, Tedros Adhanom Ghebreyesu, citado pela agência noticiosa Efe.

Gana, Maláui e Quénia foram os primeiros três países a introduzirem a vacina, em 2019, tendo sido administradas 2,3 milhões de vacinas, tendo 800 mil crianças recebido pelo menos uma dose.

“É o melhor investimento possível alguma vez feito na saúde pública”, acrescentou o diretor do Programa Global Contra a Malária da OMS, Pedro Alonso.

A implementação do projeto-piloto nos três países africanos confirmou a viabilidade de administrar as quatro doses necessárias para esta vacina, o seu papel na redução da mortalidade infantil e a possibilidade de ser integrada nos programas nacionais de vacinação sem grandes complicações.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos