O País – A verdade como notícia

Oitenta e quatro centros de saúde danificados em Kwazulu-Natal

Oitenta e quatro instalações de saúde foram danificadas pelas inundações em KwaZulu-Natal, na África do Sul. Para reparar os danos, o Governo provincial diz que serão necessários cerca de 184 milhões de rands.

Continua por apurar o número de estragos e o impacto real das inundações que, na semana passada, devastaram a província de KwaZulu-Natal, e deixaram 448 pessoas mortas e mais de 40 mil deslocados.

Sobre os óbitos, as autoridades dizem que mais de 300 autópsias foram realizadas e os restantes corpos aguardam pelo mesmo processo. As comunidades foram orientadas a informar às autoridades sempre que identificarem corpos não reclamados.

Na terça-feira, o ministro e vice-ministro da Saúde visitaram KwaZulu-Natal. Num dos hospitais mais afectados, 40 camiões-cisternas tentavam fornecer água para mitigar a crise.

Segundo os dirigentes, em todas as unidades sanitárias afectadas pelas inundações, já há condições para o funcionamento normal, à excepção de um centro de saúde comunitário que teve de fechar as portas completamente devido à gravidade dos danos.

Contudo, os pacientes da referida unidade foram transferidos para outras instalações e o Governo mobilizou, igualmente, clínicas móveis para as áreas devastadas.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos