O País – A verdade como notícia

O jornalismo e as redes sociais devem complementar-se

Leonilda Sanveca, professora de jornalismo, uma das oradoras do debate sobre jornalismo, na sede da Universidade Pedagógica, em Maputo, entende que a relação entre o jornalismo e as redes sociais deve ser de complementaridade.

Para a académica, essa relação de complementaridade, e não de exclusividade, já que o jornalismo está numa competição com as redes que são rápidas na difusão de informação, é para ser aproveitada porque as pessoas ainda aguardam pela confirmação dos que lhes chega pelo celular no jornalismo tradicional.

Um dos grandes desafios, para Sanveca, é a imprensa investir mais e melhor nos seus quadros, para darem respostas pontuais à rapidez da circulação de informação. Nesse processo, assume, Sanveca, a academia tem um papel fundamental a desempenhar na preparação dos profissionais que de lá saem.

 

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos