O País – A verdade como notícia

Nyusi inaugura estrada Caniçado-Mapai em Gaza e anuncia nova ponte sobre o Rio Save

São, no total, 322 quilómetros de estrada alcatroada que irão facilitar a ligação entre os distritos do Sul e Norte da província de Gaza. O traçado tem uma largura de 9,4 metros e foi construído para que viaturas circulem a uma velocidade máxima de 100 km/hora.

Um dos momentos mais altos do evento foi o discernimento da lápide e corte de fita, actos que simbolizavam a inauguração formal do empreendimento

Depois do corte de fita, o Presidente da República não resistiu e entrou numa viatura para testar a qualidade da estrada. Foram cerca de 15 minutos em que o Chefe de Estado conduziu na novíssima estrada. No final, Filipe Nyusi mostrou-se feliz com a qualidade da infra-estrutura.

Depois, seguiram-se os discursos. Em representação da comunidade, o régulo José Baloi falou dos constrangimentos a que a população estava sujeita.

“Perdemos muitos compatriotas, que não resistiram ao percurso degradado. Vezes sem conta, chegávamos tarde às unidades sanitárias”, recordou.

Na sua intervenção, a governadora de Gaza, Margarida Mapandzene, defendeu que a estrada “irá dinamizar o potencial agro-pecuário da região que perfaz os distritos de Mabalane, Guijá, Mapai e Chicualacuala”, tendo, em seguida, avançado que “será feito um trabalho de sensibilização das comunidades para a conservação do empreendimento e para que a estrada não seja um corredor de morte”, destacou.

 

GOVERNO GARANTE RESILIÊNCIA DA INFRA-ESTRUTURA

Por seu turno, João Machatine, ministro das Obras Públicas, destacou a resiliência da infra-estrutura para enfrentar cenários de inundações. “Na época chuvosa passada, tivemos troços alagados e isso foi bom, na medida em que deu para redesenhar a estratégia de execução da obra, para que a mesma seja resiliente a cenários iguais num futuro próximo.”

Convidado a intervir, o Presidente da República disse que o momento era histórico para aquela população.

“A estrada Caniçado-Combomune-Mapai-Chicualacuala, cuja inauguração, na sua amplitude, era há muito esperada, representa a concretização de um sonho do povo Moçambicano e da população da província de Gaza, o qual hoje se concretiza, com a inauguração do troço Caniçado-Combomune-Mapai, cujas cerimónias têm lugar aqui em Mabalane, um local histórico e bastante conhecido, que o Colonialismo Português usou para encarcerar e matar todos aqueles que levantassem a voz contra o jugo colonial. Passaram pela Cadeia de Mabalane moçambicanos presos pelo sistema colonial, oriundos de todas as províncias do nosso país”, referiu o Estadista.

NYUSI ANUNCIA TERCEIRA PONTE SOBRE RIO SAVE

Filipe Nyusi destacou que as obras atrasaram por falta de recursos, sendo, por isso, que o Governo teve que desembolsar mais de dois mil milhões de meticais para concluir o empreendimento. Mais do que isso, o Presidente da República disse que a estrada vem alimentar o desejo de criar vias alternativas à Estrada Nacional Número 1.

“Ciente da importância que a estrada representa para o nosso país, e não só, e porque os cerca de 200 km estavam em mau estado, criando transtornos na circulação de pessoas e bens, decidimos retomar as obras, totalmente financiadas pelo nosso Governo, no valor de cerca de dois mil e trezentos milhões de meticais. Decidimos retomar as obras e financiá-las com os nossos recursos, porque a estrada Caniçado-Combomune-Mapai-Chicualacauala, se enquadra numa visão mais ampla do nosso Governo, de construir, onde se mostrar possível, estradas alternativas à Estrada Nacional Número Um, que, como se sabe, atravessa vários cursos de água e à jusante e, por isso, susceptível a cortes em tempos de chuvas excepcionais e de cheias”, revelou para, em seguida, anunciar a construção de mais obras.

“Para a consolidação deste desejo, estamos, neste momento, a reabilitar a estrada Macia-Chókwè e está nos nossos planos a construção de uma terceira ponte sobre o Rio Save, ligando Massangena e Espungabera, incluindo a construção das respectivas estradas de acesso, Machaila-Massangena-Rio Save e Rio Save-Espungabera. A construção de uma estrada alternativa à Estrada Nacional Número Um não seria a primeira vez que o fazemos aqui, em Gaza. Reabilitamos a estrada Chissano-Chibuto, enquadrada no projecto de reabilitação das estradas destruídas pelas cheias e asfaltamos a estrada Manjacazi-Macuacua, o que oferece aos moçambicanos mais uma estrada alternativa, passando por Chissano-Chibuto-Manjacazi-Macuacua-Panda-Homoine-Maxixe e vice-versa.

Noutro desenvolvimento, Filipe Nyusi disse que o empreendimento irá dinamizar a economia da província.

“A estrada Caniçado-Combomune-Mapai-Chicuacuala vai certamente incrementar a promoção das actividades agrícolas, faunísticas, florestais e turísticas que caracterizam o potencial dos distritos de Guijá, Mabalane, Mapai, Chicualacuala e Massangena, fazendo com que as populações,   que vivem nestes distritos, possam experimentar um salto imensuravelmente qualitativo nas suas condições de vida e irá atrair mais investimentos para esta região, criando, desta forma, mais oportunidades de trabalho para os jovens e oportunidades de negócio para população.”

Com a inauguração, segunda-feira última, do aeroporto de Chongoene, as autoridades locais esperam que os investidores nacionais e estrangeiros aproveitem as potencialidades da província que, além de estradas em condições, tem transporte ferroviário à disposição

NYUSI PREOCUPADO COM SINISTRALIDADE RODOVIÁRIA E EXIGE QUE “TRÂNSITOS” SAIAM DOS GABINETES

Já no final do seu discurso, o Chefe de Estado mostrou-se preocupado com os níveis de sinistralidade no país, tendo aconselhado os automobilistas a optarem pela condução prudente. Além disso, Nyusi defendeu uma maior fiscalização por parte das autoridades para controlar os excessos nas estradas nacionais.

“Saiam dos gabinetes e ajudem a educar e fiscalizar os automobilistas. Não fiquem nos gabinetes. Há dias, deu-me vontade de mandar parar algumas viaturas que fazem o trajecto Maputo-Gaza. Algumas apresentavam-se sem faróis, o que é grave”, terminou.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos