O País – A verdade como notícia

Nyusi felicita presidente do Egipto pela reeleição

Abdel Fatah al Sisi foi reeleito ao cargo de Presidente da República Árabe do Egipto. Por isso, o Chefe do Estado, Filipe Nyusi, felicitou o seu homólogo pela vitória. Nyusi começa por dizer, num comunicado, que “Foi com imenso prazer que tomámos conhecimento da reeleição de Vossa Excelência como Presidente da República Árabe do Egipto, na sequência da vitória esmagadora obtida no sufrágio realizado de 26 a 28 de Março de 2018”. De seguida, o Chefe do Estado avança que a reeleição daquele político é uma expressão clara da confiança que os egípcios depositam em al Sisi para continuar a concretização do desenvolvimento social, económico e do bem-estar.

Filipe Nyusi endereçou a al Sisi, em nome do povo, do Governo moçambicano e no seu próprio, as felicitações e votos de sucessos no exercício da função confiada pelos egípcios. “Pode contar comigo no reforço e elevação das relações de amizade e cooperação existentes entre a República de Moçambique e a República Árabe do Egipto para novos patamares, em benefício mútuo dos Povos das duas Nações. Queira, Excelência, aceitar os protestos da minha mais elevada consideração e estima pessoal, bem como os meus votos de boa saúde para V.Excia e prosperidade para o Povo do Egipto”, afirmou Nyusi.

Num outro comunicado, Filipe Nyusi enviou uma mensagem de felicitação a Mokgweetsi Masisi pela indicação ao cargo de Presidente da República do Botswana. Sobre o acto, o PR disse: “Estou confiante que a Vossa sábia liderança agregará valor ao legado do Vosso antecessor em impulsionar o Botswana para novos patamares de prosperidade e bem-estar.
Moçambique e Botswana partilham laços históricos de amizade, solidariedade e cooperação e reafirmo a minha prontidão para continuar a trabalhar estritamente com Vossa Excelência para o aprofundamento destas relações, sobretudo na implementação das acções de seguimento dos Acordos Bilaterais e no aprofundamento da cooperação multilateral, no âmbito da SADC, da União Africana, das Nações Unidas e outras organizações internacionais”.

 

 

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos