O País – A verdade como notícia

Nyusi exige das FDS acções sinérgicas para acabar com insurgentes

Filipe Nyusi exige uma reacção contundente das Forças de Defesa e Segurança para acabar com a insegurança em alguns distritos de Cabo Delgado. O Comandante em Chefe das Forças de Defesa e Segurança falava, hoje em Matalane, durante o encerramento do curso extraordinário de agentes especiais.  

Num contexto em que aumenta a incidência de ataques a alguns distritos de Cabo Delgado, o Estado moçambicano formou extraordinariamente um contingente de forças especiais e de reserva em menos de três meses. Na presença do Comandante em Chefe das Forças de Defesa e Segurança os mais de 2 mil graduados fizeram o desfile.

No seu discurso, Filipe Nyusi defendeu que as Forças de Defesa e Segurança devem agir de forma integrada e inteligente para frear os ataques em Cabo Delgado.

Nyusi chamou atenção para a mudança dos modus operandi dos insurgentes nas suas incursões. E porque recentemente houve ataques a interesses ligados a Anadarko, o Chefe de Estado exigiu das forças garantia de segurança aos empreendimentos naquela província.

No final da sua intervenção e, sem avançar detalhes, o presidente da República anunciou para esta semana avanços no processo de pacificação do país. De salientar que neste curso, foram formados agentes nas especialidades de Unidade de Intervenção Rápida, Polícia Marítima, Lacustre e Fluvial, do Ramo da Polícia de Fronteiras, Força de Protecção de Altas Individualidades e de Protecção do Ambiente e Recursos Naturais.
 

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos